Para ajudar as agências em home office, o SiGA agora passa a oferecer 20 dias gratuitos no teste de qualquer um dos seus planos.

Sistema para Gestão de Agências

Diário do Campo – parte final

21 de maio de 2007 por André Traichel

Cotidiano

Bom, chegando ao último artigo desta série, onde tentei mostrar um pouco sobre como é montar uma empresa web fora de uma capital, vamos falar sobre comunicação. Este sim é um ponto complicado e caro de estar fora da mesma cidade dos teus clientes. Este custo a mais se deu por conta desta coisa que inventaram de que tem que fazer DDD pra ligar pra cidade ao lado, mesmo que sejam apenas 5 km de distância.

Ligar para os clientes fora do código de área realmente fez com que a conta de telefone fosse, digamos, pro alto. Afinal, sempre que se quer falar qualquer coisa com Porto Alegre sai mais caro do que se estivéssemos lá e isto durante um tempo foi um problema pra nós, mas agora estamos, finalmente, aprendendo e buscando novas formas de se comunicar com baixo custo.

Nós sempre nos dispusemos a usar o sistema do MSN – claro que a gente usa o Gaim ou outro que não do Bill – mas aí tem um pequeno problema: as agências de propaganda estão cortando os messenger pois o povo não sabe usar.

A alternativa que encontramos pra falar com o pessoal então é o Skype. Nossos clientes estão começando a usar o voip pra falar com a gente, afinal já está bem melhor a qualidade e sai de graça, pois todo mundo tem banda larga. Pra nos livrarmos um pouco da conta telefônica astronômica, adotamos o SkypeOut. Vejam bem, ligar pra Porto Alegre usando a BrTelecom sai por R$ 0,47 o minuto. Por Skype, R$ 0,13. Fora que dá pra controlar direitinho os gastos, pois tá sempre ali aparecendo o quanto resta de crédito e temos o histórico das ligações pra poder conferir tudo.

Estamos vendo agora o SkypeIn, para que nossos clientes em Porto também não precisem gastar…

Pra resumir o discurso, podemos dizer que estamos felizes com a escolha de fazer a sede da SiGA SW aqui em Teutônia. Temos um custo baixo, que podemos repassar pros clientes, e um faturamento de cidade grande. Temos a tranqüilidade do interior com o dinamismo da Capital.